Votação em Portugal

Jair Bolsonaro tem maioria dos votos em Lisboa; portuguesa chama eleitores de “monstros”

Jair Bolsonaro foi o candidato mais votado para presidente em Lisboa (Portugal), com 52,33%. Ciro Gomes ficou em segundo (15,78%) e Fernando Haddad aparece em terceiro, com 12,5%.

O resultado em Lisboa foi diferente dos números finais no Brasil, onde Ciro ficou em terceiro enquanto Bolsonaro e Haddad se preparam para o segundo turno, marcado para o dia 28 de outubro.

João Amoedo garantiu 4,2% dos votos válidos, Maria Silva 2,8% e Geraldo Alckmin ficou na lanterninha, com 2,2%. Quem diria: Alckmin na lanterna…

Os brasileiros aptos a votarem em Lisboa somam 21.195, mas apenas 7.398 compareceram às urnas no domingo.  Do total, 6.902 foram votos válidos.

Todos os resultados das urnas dos eleitores brasileiros em Lisboa foram passados gentilmente para o Portugal Online pela jornalista Giuliana Miranda, que escreve para o jornal Folha de S.Paulo. Valeu, Giuliana!

Giuliana, aliás, foi fonte de informação para veículos de imprensa portugueses, como o TSF Rádio Notícias. O site do TSE só mostra os resultados totais no exterior, mas não por país. E quem disse que a gente consegue falar por telefone no Consulado do Brasil?

Portugueses com “medo dos brasileiros”

Hoje pela manhã lemos todos os jornais brasileiros e portugueses sobre a eleição histórica de 2018. E em alguns jornais de Portugal na internet, os comentários sobre a vitória de Jair Bolsonaro no primeiro turno chegam a ser cômicos – pra não dizer bizarros! E têm os comentários preconceituosos também.

Selecionamos apenas dois dois. Um desses comentários, da Francisca Antunes, publicado na matéria do TSF Rádio Notícias, diz que o eleitor do Bolsonaro em Portugal é um “pequeno monstro em ascensão” e sugere que o português não precisa se preocupar com os refugiados de guerra, e sim com o eleitor do Bolsonaro (oi??). Então tá!

Divirtam-se com as frases abaixo! Se quiserem ler mais bizarrices, é só entrar nesse link.

Obs.: Só pra deixar claro: nós, do Portugal Online, não votamos nem em Bolsonaro, nem em Ciro e nem no Haddad!

Francisca Antunes

Ao ver os entrevistados dá para perceber que é mais ódio ao PT que outra coisa. Ainda assim é assustador. E andamos nós preocupados com refugiados da guerra quando temos estes pequenos monstros em ascensão a entrar pela porta da frente.
GostoResponder1 h

Alexandre Campo
Que tipo de brasileiros que vivem em Portugal votam num candidato fascistas. Preocupo-me como português , que haja um tão significativo de imigrantes brasileiros, a votarem numa proposta claramente racista e anti-democrática. Precisamos de mais vigilância democrática, e sobretudo de mais cuidado , com a possibilidade de esta gente estar a trazer para Portugal um discurso do ódio.

 Francisca Antunes
Que vergonha. Esta gente fascista e anti-imigração devia ser coerente e voltar para o seu país. Não queremos esta gente nojenta no nosso país.

Foto: Reprodução Revista IstoÉ

Fale com o Portugal Online Oficial!

* indicates required


Nós queremos enviar informações úteis para você saber tudo sobre mudança para Portugal, mas só se você nos autorizar. Como prefere receber nossos comunicados?

Você pode sair do nosso mailing vip a qualquer momento. Basta clicar na palavra “Descadastrar” no rodapé dos nossos e-mails.

We use Mailchimp as our marketing platform. By clicking below to subscribe, you acknowledge that your information will be transferred to Mailchimp for processing. Learn more about Mailchimp’s privacy practices here.


Comente!